Você está aqui: Página Inicial

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Ferramentas Pessoais
Acessar
Operação Fronteira Blindada

Acompanhe aqui as notícias sobre a Operação Fronteira Blindada, ação permanente da Receita Federal de combate ao contrabando, descaminho e pirataria, inserida no Plano Estratégico de Fronteiras do Governo Federal

02 Abr 2013 Terça

ES: cinco novas duplas K-9 aptas para atividades de repressão ao tráfico de drogas

Encerrou-se em 22 de março o 3º curso de capacitação de condutores e cães farejadores, realizado em Vitória - ES e ministrado pelo Centro Nacional de Cães de Faro da Receita Federal do Brasil (CNCF/RFB), formando duplas K-9 (sigla que significa a dupla condutor + cão de faro, e cuja pronúncia em inglês assemelha-se à palvra "canine"), aptas para atuar no combate ao tráfico de drogas que entram ou saem do País. Foram aprovados os cinco servidores da RFB inscritos nesta versão do treinamento, procedentes dos estados do Ceará, Pernambuco, São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul, e também um policial civil do Espírito Santo, pela parceria interinstitucional nas atividades de condutores, bem como seus respectivos cães farejadores, que atuarão conjuntamente.

Servidores e seus cães no treinamento do CNCFPela Receita Federal, participaram Hugo Thales Oliveira da Silva, da Delegacia de Foz do Iguaçu, Paraná, que tem como parceira a cadela Dixie; Jonas Campelo Gomes, da Direp/04, em Recife, em parceria com a cadela Doris; Márcia Daniele, da Direp/10, em Porto Alegre, em conjunto com a cadela Cacau; Marta Munhoz de Souza, lotada na Alfândega de Santos, tendo como parceiro o cão Dexter; e Ronaldo Ítalo Spinelli Jr., da Direp/03, de Fortaleza, em conjunto com o cão Joe. Pela parceria institucional, o investigador da Polícia Civil do Espírito Santo, André Cardoso da Silva, junto com seu cão Zack, também obtiveram aprovação no treinamento realizado pelo CNCF.

A expectativa, a partir de agora, é de que as atividades de repressão à entrada de drogas no País tenham índices ainda melhores. Na opinião dos participantes, o curso foi dinâmico e superou as expectativas, primando pelo repasse das melhores técnicas de abordagem e de verificação de ilícitos, com o uso das habilidades olfativas dos cães, treinados para  descobrir drogas contrabandeadas. Pela equipe do CNCF, estiveram à frente do curso como treinadores e como apoio operacional os servidores Carlos Henrique Xavier, Marcelo Barbosa Fernandes, Marcelo Magalhães, Rodrigo Perim, Elaine Marochio, Paulo Mattioli e Carlos Felipe Loureiro.

Cão de faro atuando numa simulação de revista de bagagem em ônibus

Servidores e seus cães no treinamento do CNCF

  • Compartilhe

Marcadores: , ,

Local: 7ª Região Fiscal

02 Abr 2013 Terça

PA: Receita realiza Operação Muralha Negra na Belém - Brasília

A equipe de Repressão ao Contrabando e Descaminho da Receita Federal da 2ª RF apreendeu uma carreta com mercadorias contrafeitas de origem estrangeira na madrugada da sexta feira santa, 28/03/13, durante a operação Muralha Negra. 

DSC_3424.JPG

A apreensão aconteceu na Rodovia Belém – Brasília próximo ao município de Santa Maria do Pará. As mercadorias de origem chinesa foram trazidas do Suriname através de embarcação, que não foi localizada, e descarregadas em porto clandestino na costa do Pará. 

Segundo relatos do motorista o barco atracou nas proximidades de Belém e as mercadorias estavam sendo levadas para o estado de São Paulo no momento da apreensão. 

No interior da carreta a equipe da Direp 2ª RF encontrou roupas, óculos, bolsas e tênis contrafeitos, avaliados inicialmente em R$ 2,5 Milhões. 

DSC_3402.JPG

A Operação Muralha Negra contou com o apoio de policiais do Núcleo de Operações Especiais – NOE da Polícia Rodoviária Federal. 

O motorista da carreta foi conduzido à polícia, onde foi autuado e a carreta com as mercadorias foram levadas para o depósito de mercadorias apreendidas da RFB em Belém que posteriormente poderão ser leiloadas ou destruídas.

  • Compartilhe

Local: 2ª Região Fiscal

27 Mar 2013 Quarta

RJ: Receita Federal apreende cerca de 137 mil bolas de futebol falsificadas

Atenta à aproximação dos grandes eventos esportivos, a fiscalização da Alfândega da Receita Federal no Porto do Rio de Janeiro (ALF/RJO) tem selecionado cargas importadas relacionadas a artigos esportivos, para conferência física.

Este trabalho resultou na identificação de cerca de 137 mil bolas falsificadas da marca Adidas, em três despachos de trânsito aduaneiro e dois de importação.

O detentor da marca foi notificado e apresentou laudo que  comprovou as imitações da marca. Ao mesmo tempo, solicitou a apreensão judicial das mercadorias falsificadas.

ALF-RJO-Bolas-1.JPG

ALF-RJO-Bolas-2.JPG

  • Compartilhe

Marcadores: ,

Local: 7ª Região Fiscal

27 Mar 2013 Quarta

RS: Receita Federal apreende o terceiro caminhão com cigarros contrabandeados em março

A Divisão de Repressão ao Contrabando e Descaminho - Direp - da Receita Federal, interceptou no início da tarde desta quarta-feira, 27 de março, no entroncamento das rodovias BR-116 e BR-386, em Canoas/RS, mais uma carga de cigarros paraguaios contrabandeados transportada em um caminhão baú com placas de Jaraguá do Sul/SC.

 

A operação foi desencadeada após o recebimento de uma denúncia recebida pela Receita Federal de que um caminhão baú, com placas de Santa Catarina estaria trazendo cigarros contrabandeados do Paraguai nesta tarde pelas rodovias que chegam a Canoas/RS.  Os agentes da Receita Federal patrulharam as  rodovias que davam acesso à cidade. Foram deslocadas equipes para as rodovias BR-116 em Novo Hamburgo/RS, RS-122 em Portão/RS, BR-386 em Tabaí/RS e ainda equipes monitoravam a Freeway em Gravataí/RS.

 

Os agentes ao abordarem um caminhão com as características denunciadas, estranharam a documentação  apresentada e levaram o veículo para averiguação.  Ao abrirem o caminhão, os agentes da Receita Federal encontraram, aproximadamente, 950 caixas de cigarros paraguaios, equivalentes a 475 mil carteiras de cigarros.  A carga de cigarros, juntamente com o caminhão, que restou apreendido, foram encaminhados ao depósito da Receita Federal na região.  Estima-se, que em valor de mercado, a carga possa superar R$ 1,5 milhão.  O motorista, L.J.S., de 24 anos, foi encaminhado a autoridade policial para lavratura do flagrante pelo crime de contrabando.

 

Este é o sétimo caminhão apreendido este ano pela Receita Federal no estado do Rio Grande do Sul, totalizando, aproximadamente, 2 milhões de maços apreendidos.  Somente no mês de março três caminhões foram apreendidos.  Todas estas ações são integrantes da operação Fronteira Blindada realizada pela Receita Federal em todo o território nacional.

cig1cig2

cig3cig4

  • Compartilhe

Marcadores: , , , ,

Local: 10ª Região Fiscal